Wednesday, December 07, 2011

Tocaron el timbre...

Manhã, bem cedinho, estava ainda a dormir quando tocam à campainha.
Era a minha vizinha, se há mulher que me deixa atorment ado e nervoso é ela.
Oh! Diabo, está um homem a descansar e vem este pecado de mulher atormentar a minha alma e o meu corpo.
Hoje a roupa transparente deixava ver uma lingerie cor-de-rosa,
"Vizinho, tem um perú no quintal!"
Mas que raio faz um peru no meu quintal? Aqui por perto não há aviários!
Enxotei o bicho e ele voou para cima do telhado da vizinha, ela que se desenrasque, e que não me peça para ir lá a casa, pois um homem não é de ferro.
Fui ao café com os garotos, o peru continuava em cima da casa da vizinha, pedi aos catraios para não olharem para ele senão ele reconhecia-nos e lá voltavam ootra vez os trabalhos.
"Pai, deixe-nos ficar com o bichinho Glu Glu",
***
A minha mãe ligou-me para o pasto: "Não te quis acordar, deixei um peru no teu quintal para se comer pelo natal e na passagem de ano".
À noitinha, quando voltei da Serra, a minha primeira preocupação foi olhar para a casa da vizinha, um hábito que ganhei sempre que chego a casa mas hoje a minha intenção era ver se ainda estava lá o peru. Não estava.
Fui dar um beijinho de boa noite aos miúdos, já estavam a dormir. Ao sair do quarto, junto dos peluches e ao carro tele-comandadao da Policia, lá está o peru, embalsamado.
Não vou acordá-los, mas amanhã, vou à escola indagar que raio de educação andam a dar aos putos.
*************************

Por la mañana, bien temprano, estaba durmiendo cuando tocaron el timbre. Era mi vecina, si hay mujer si que me atormente y me ponga nervioso, es ella.

¡Oh diablos! está un hombre descansando y viene este pecado de mujer a atormentar mi alma y mi cuerpo.

Hoy, la ropa transparente dejaba ver una lencería de color de rosa.

"Vecino, tienes un pavo."

Pero ¿Qué rayos hace un pavo por acá? Por aquí cerca no hay avícolas.

Espanté al bicho y voló para encima del tejado de la vecina, y que se las arregle ella, y que no me pida que vaya a su casa, pues un hombre no es de hierro.

Fui al café con los muchachos y el pavo continuaba sobre la casa de la vecina, le pedí a los críos que no lo viesen, sino, los reconocería y empezaría de nuevo el "trabajo".

"Papá, déjanos quedar con el bichito Glu Glu".

***

Mi madre me llamó al trabajo: No te he querido despertar, he dejado un pavo para que lo comáis en fin de año".

Por la noche cuando volví del trabajo, mi primera preocupación fue ver hacia la casa de la vecina, un hábito que tengo siempre que llego a casa, pero hoy mi intención era ver si aún estaba allí el pavo. No estaba.

Fui a dar un besito de buenas noches a los niños, ya estaban durmiendo. Al salir del cuarto, junto a los peluches y el auto de la policía, estaba el pavo, embalsamado. No voy a despertarlos, pero mañana iré a la escuela a indagar que rayo de educación le están dando a los chavales.

52 Comments:

At 11:37 AM, Blogger ditonysius said...

Eu que julgava, ainda poder morder um pouco da "chicha" (e não carne, segundo os filhotes) do animal, ... afinal com dupla utilidade: contentar a fome e os olhos, ... e afinal já foi utilizado para experiências, ...
Como irás pôr conversa com o olhar, da vizinha? Só se for pedindo mel, ou eventualmente uma pinha acesa! ...

Que saudades dos dizeres da serra ...

Um abraço do canto de cá ...

 
At 2:30 PM, Blogger Mayteღ said...

Egipcia...educación egipicia, mirar deberías...si ;=)

Genial Mitxu!

Un besiño grandote.

 
At 7:23 PM, Blogger Baby said...

Uma pessoa hoje não se pode descuidar, porque as coisas acontecem demasiado depressa e nós ficamos para trás, perdida a possibilidade de "embarcar"...

Um abraço de boas-vindas.

 
At 4:57 AM, Blogger Eli said...

Se dividires os euros, talvez eu deixe um comentário inteligente. Não sei onde os tenho. tê-los-ei perdido?!

Estou pelo distrito de Leiria! Já viste como o mundo dá voltas e voltas?!

:P

 
At 4:57 AM, Blogger Eli said...

Aliás, o mundo não!

Eu é que sou nómada!

:P

 
At 11:49 PM, Blogger Carmiña said...

¡Hola!
Es una historia muy sorprendente e ingeniosa.
Que tengas un buen diciembre

 
At 10:30 PM, Blogger Claudinha ੴ said...

Olá Mixtu...
Sabe lá se foram os garotos? (Aqui putos é outra coisa). E se foi a vizinha tentadora? E se ela está a tentar mais que uma visita? Hahahahaha
Beijos!

 
At 1:19 PM, Blogger MaLena Ezcurra said...

Hay historias que dejan huellas a veces en el tejado.

Me sorprende siempre tu creatividad!


Mil besos.


M.

 
At 9:17 PM, Blogger MAR said...

POBRE PAVO!!!
Que buen post...así que tienes la fantasia de la vecina?, jajaja.
Besos para ti.
mar

 
At 9:17 PM, Blogger MAR said...

PD SE AGRADECE LA TRADUCCIÓN SIIIIIIIII.
mar

 
At 11:42 AM, Blogger alma said...

Vaya líos en que metemos a los pavos :))

 
At 9:31 PM, Blogger BETTINA PERRONI said...

Este blog está adelantado un año!! waaaaa :D

 
At 4:37 PM, Blogger Secreta said...

Isto é caso para se dizer... há pessoas que só comem com os olhos...
hehe...

 
At 12:25 PM, Blogger Teresa Durães said...

coitado do perú. ainda por cima ninguém lhe deu uma dentadinha!

 
At 8:56 PM, Blogger © Piedade Araújo Sol said...

eu a ver o peru recheado...e a vizinha a trinchar, e afinal...

saio a sorrir ...

boa semana no pasto...

 
At 8:41 PM, Blogger heretico said...

que a galinha da vizinha é sempre a melhor, isso eu sabia.

agora o perú, nem sei que te diga...

abraço

 
At 4:26 PM, Blogger São said...

Gostei deste teu regresso! Aliás, não percebo porque tanto te ausentas,,,Será por causa da vizinha? rrss

Um grande abraço.

 
At 6:53 PM, Blogger mundo azul said...

__________________________________


Gostei da sua história... Não gostei muito do final... Será que os garotos deram mesmo um fim no peru? Espero que não...



Beijos de luz e o meu carinho!!!

_________________________________

 
At 11:32 AM, Blogger mirada said...

estaste a facer millonario cos comentarios? yayaya....
:-))
o da educación, ufff...
por sorte, nacen máis avanzados que nós, espiritualmente...
toca aprender.
beijinhos, obrigada.

 
At 12:24 PM, Blogger TriniReina said...

Qué niños con más arte:)

Pobre pavo, entre ser comido y ser embalsamado, poca elección tenía.

Abrazos

 
At 12:33 PM, Blogger RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO said...

Pernas para que te quero!!!
Meu Lindo, ninguém impõe a felicidade a ninguém, a não ser um ditador. Temos o direito de sermos felizes e podemos escolher entre a felicidade e a infelicidade.
É bom ler o post, ir além do título e de algum comentário, coisa que não faço aqui porque o meu querido sabe que não consigo ir adiante.
Beijos e Bom Natal,
Renata

 
At 12:11 AM, Blogger aflores said...

Épá...temos o mesmo problema. Uma vizinha que nos tira do sério :))))


A minha não tem é o perú Glu-Glu:)

ehehehehehe


Grande e fraterno abraço!

 
At 4:58 PM, Anonymous Patty said...

Peru?????? Que é feito do bacalhau para a consoada?????

É que assim sempre podes ir a casa da vizinha pedir azeite para as couves!!!!!!

Beijocas... e desta vez não só para ti :)

 
At 6:23 PM, Blogger R. said...

Se calhar a vizinha vingou-se da ocupação, devolvendo um sósia embalsamado e conservando o original para o Natal...

 
At 6:23 PM, Blogger R. said...

Se calhar a vizinha vingou-se da ocupação, devolvendo um sósia embalsamado e conservando o original para o Natal...

 
At 9:13 PM, Blogger El Navegante said...

Muito obrigado pela visita meu irmao.
Hac{i mucho tiempo que la diosa inspiración me tenía algo abandonado, y me alegró mucho encontrarte en mi barco, con esa imagen de executive que luces ya ya ya ya PARABENS E NAO E BRINCADEIRA.
Me alegro que hayas sabido intepretar, como siemrpe, justo lo que deseaba expresar.

Con lo fato da tua vicinha, eu achaba que já o meu amigao tubarao, nao tinha mais dentes pecaminosos, ya ya ya ya
Muito divertida la historia.
Aquele abraço e pelas duvidas já te deixo meu desejo de tudo de bom pra Natal e Ano Novo, para vc e tuda tua cara famulia.
O mirandés dos mares do sul ya ya ya ya

 
At 9:24 PM, Blogger Laura said...

Mesmo embalsamado, ainda se safa...podes convidar a vizinha para a ceia...ou depois da meia noite...

ms deita os putos primeiro, senão o peru ainda começa com o glú glú...

abraço da laura

 
At 10:39 AM, Blogger Zélia Guardiano said...

MIXTU
Encontrei-o no blog da Justine.
Vim conhecer seu espaço e encantei-me.
Adorei o divertidíssimo texto!
Delícia de leitura...
Abraço

 
At 9:38 PM, Blogger just me, an ordinary girl said...

gostei buéréré
tb é bom ler textos assim, ligeiros, surpreendentes, divertidos...
parabéns, por o jeito para os contos!
um beijo de uma (outra)vizinha
:))

 
At 2:17 AM, Blogger Valquíria Oliveira Calado said...

Olá, vim deixar um carinho de amiga, com abraços de paz, beijos no teu coração.♥

Olavo Bilac

Natal


Jesus nasceu. Na abóbada infinita
Soam cânticos vivos de alegria;
E toda a vida universal palpita
Dentro daquela pobre estrebaria...

Não houve sedas, nem cetins, nem rendas
No berço humilde em que nasceu Jesus...
Mas os pobres trouxeram oferendas
Para quem tinha de morrer na cruz.

Sobre a palha, risonho, e iluminado
Pelo luar dos olhos de Maria,
Vede o Menino-Deus, que está cercado
Dos animais da pobre estrebaria.

Não nasceu entre pompas reluzentes;
Na humildade e na paz deste lugar,
Assim que abriu os olhos inocentes
Foi para os pobres seu primeiro olhar.

No entanto, os reis da terra, pecadores,
Seguindo a estrela que ao presepe os guia,
Vem cobrir de perfumes e de flores
O chão daquela pobre estrebaria.

Sobem hinos de amor ao céu profundo;
Homens, Jesus nasceu! Natal! Natal!
Sobre esta palha está quem salva o mundo,
Quem ama os fracos, quem perdoa o mal,

Natal! Natal! Em toda a natureza
Há sorrisos e cantos, neste dia...
Salve Deus da humildade e da pobreza
Nascido numa pobre estrebaria.

FELIZ NATAL!

 
At 9:44 PM, Blogger Baby said...

E o perú para o Natal? A tua mãe pôs outro no teu quintal? Espero que não, faz-me uma pena quando penso que têm que se matar os pobrezinhos para ter a mesa enfeitada! Porque não usarmos antes pinhas pintadas de verde, vermelho e dourado? doía menos...

Um Santo Natal, meu querido amigo,e um Ano Novo bem melhor do que o que se prevê, com muita poesia, amor e alegria.

Abraços pintados com o verde da esperança!

 
At 6:27 PM, Blogger Multiolhares said...

Lá se foi o peru, lá se foi a vizinha,
espero que não percas encontres o natal embalsamado
beijinhos

 
At 7:06 PM, Blogger Nilson Barcelli said...

Já vi que só vais ter o bacalhau... eheheh...
Caro amigo, apesar do perú... Feliz Natal.
Um abraço.

 
At 2:27 PM, Blogger © Piedade Araújo Sol said...

sem poste e sem peru (lol)

Feliz Natal!

beij

 
At 3:30 PM, Blogger Secreta said...

um beijito de boas festas.

 
At 4:56 PM, Blogger sonho said...

Descuidos meu querido...háháhá...
Boas Festas
Beijo d'anjo

 
At 10:50 PM, Blogger Je Vois la Vie en Vert said...

Mixtu,

Será que ainda tens vontade de comer peru no Natal ?
Foi bom ver-te de novo por aí !
Desejo-te um Feliz Natal com paz e talvez com a vizinha... e o Ano de 2011 repleto de felicidade !
Beijinhos
Verdinha

 
At 11:24 PM, Blogger Claudinha ੴ said...

Feliz Natal querido amigo!
Beijos!

 
At 6:46 PM, Blogger augusto, um entre mil said...

e então o que te disseram na escola?


bom ano

 
At 6:18 PM, Blogger Baby said...

Mixtu, que cada dia do novo ano te traga saúde, paz e alegria de viver e te traga para mais perto de todos nós que te queremos bem!

Bom Ano!!

Beijos do Sul.

 
At 12:22 PM, Blogger mirada said...

Feliz Aninovo!!

 
At 2:50 PM, Blogger Celina Bailón said...

Besito asesino...

 
At 3:00 PM, Blogger Mariazita said...

O final do ano aproxima-se. Faltam já poucas horas.
Preparemo-nos para nos despedir dele com dignidade, ainda que dela não seja muito merecedor :) Podia (e devia) ter sido um pouco melhor...
Que o teu final de ano decorra com muita saúde e alegria, na companhia de quem amas.
Que o Ano Novo traga consigo muitas bênçãos para derramar sobre todos nós.
Ao soar das doze badaladas façamos um voto especial pela Paz e Justiça no mundo.

FELIZ ANO 2011

Beijinhos

 
At 11:53 PM, Blogger alma said...

Feliz 2011, que tengas un buen año, amigo

 
At 6:19 PM, Blogger Canto da Boca said...

Que triste a sina do peru, sempre a morrer de véspera...

;)

 
At 9:08 PM, Blogger just me, an ordinary girl said...

olá olá olá!!!, bom Ano Novo!!!

 
At 1:19 PM, Blogger Dois Rios said...

:) Seria cômico se não fosse trágico... para o peru, é claro!

Quanto a educação dos meninos, há que medi-las à proporção das suas fomes, rs...

Beijo,
Inês

 
At 6:16 PM, Blogger Baby said...

Mixtu, já estamos em 2011, não dizes nada, nem mandas um abraço serrano?
Deixo-te beijinhos.

 
At 6:57 PM, Blogger Vanuza Pantaleão said...

Um peru embalsamado, uma vizinha atormentada...glu, glu, glu.
Preciso ler de novo.

Feliz 2011, Mixto queridooooooo!!!

 
At 6:38 PM, Blogger São said...

Um bom 2011 par ti e para quem desejares.

Saudoso beijo.

 
At 3:06 PM, Blogger © Piedade Araújo Sol said...

e há silencios nos pastos.....

 
At 3:54 AM, Blogger AlegriadeQuerer said...

hola paso a saludar. y dejar mis aires

 

<< Home

António Vega-Lucha de gigantes

_______________________________________________25.000 visitantes (Anterior counter),
ecoestadistica.com