Monday, January 22, 2007

Mixtu e as eleições presidenciais…

Este fim-de-semana, em Portugal, é marcado por dois acontecimentos.
O facto mais importante é que o Mixtu não vai levar injecções, agora só segunda/Lunes, é que continua a saga/novela com a Elizabete, descansa assim o seu rabo e o seu coração…
.
O 2º acontecimento (no Domingo) são as eleições para eleger o Presidente de Portugal, candidatos:
Cavaco Silva (o Homem do Bolo Rei),
Mário Soares (ex-presidente),
Jerónimo (metalúrgico com carteira profissional),
Louçã (Homem das causas perdidas),
Garcia (Advogado dos pobres)
e Manuel Alegre (O Poeta).

O Mixtu não percebe de politica e é monárquico (Viva o Rei),
por isso, hoje, deixa-vos poesia:
Manuel Alegre (para os meus amigos de lingua castelhana; um poema escrito no tempo da ditadura. Solicito que La revolución de los claveles no deja de mutar en la memoria.

«Trova do Vento que Passa»
Pergunto ao vento que passa
notícias do meu país
e o vento cala a desgraça
o vento nada me diz.

Pergunto aos rios que levam
tanto sonho à flor das água
se os rios não me sossegam
levam sonhos deixam mágoas.

Levam sonhos deixam mágoa
sai rios do meu país
minha pátria à flor das águas
para onde vais? Ninguém diz.

Se o verde trevo desfolhas
pede notícias e diz
ao trevo de quatro folhas
que morro por meu país.

Pergunto à gente que passa
por que vai de olhos no chão.
Silêncio -- é tudo o que tem
quem vive na servidão.

Vi florir os verdes ramos
direitos e ao céu voltados.
E a quem gosta de ter amos
vi sempre os ombros curvados.

E o vento não me diz nada
ninguém diz nada de novo.
Vi minha pátria pregada
nos braços em cruz do povo.

Vi minha pátria na margem
dos rios que vão pró mar
como quem ama a viagem
mas tem sempre de ficar.

Vi navios a partir
(minha pátria à flor das águas)
vi minha pátria florir
(verdes folhas verdes mágoas).

Há quem te queira ignorada
e fale pátria em teu nome.
Eu vi-te crucificada
nos braços negros da fome.

E o vento não me diz nada
só o silêncio persiste.
Vi minha pátria parada
à beira de um rio triste.

Ninguém diz nada de novo
se notícias vou pedindo
nas mãos vazias do povo
vi minha pátria florindo.

E a noite cresce por dentro
dos homens do meu país.
Peço notícias ao vento
e o vento nada me diz.

Mas há sempre uma candeia
dentro da própria desgraça
há sempre alguém que semeia
canções no vento que passa.

Mesmo na noite mais triste
em tempo de servidão
há sempre alguém que resiste
há sempre alguém que diz não.

52 Comments:

At 10:50 PM, Blogger alma said...

Precioso poema...ojalá que el viento fluya sin osbtáculos.
Buen fin de semana
;)

 
At 11:06 PM, Blogger wind said...

Come se vê por este belo poema, já antes do 25 de Abril ele era um poeta/político. O meu voto vai para ele:) beijos

 
At 11:18 PM, Blogger M&A said...

This comment has been removed by a blog administrator.

 
At 11:18 PM, Blogger M&A said...

Mixtu é um espectaculo, devagar, devagarinho lá transmite a ideia.
Vamos para a night?

 
At 11:54 PM, Blogger Pedro Nobre said...

Passei para deixar a minha sugestão de fim-de-semana http://www.reflexuspn.blogspot.com

Já agora vota bem, vota por Portugal.


Pedro Nobre

 
At 11:55 PM, Blogger Geri K said...

En Chile nuestra Presidente es MUJER!!!! Al fin!!!
besos.-

 
At 12:28 AM, Blogger chocoadicta said...

El poema llega al alma, como el país...me entra la curiosidad voy a preguntar a mi pareja (es portugués) si votó por correo y a quien :).
Que salga quien el pueblo elija, ellos sabrán quien merece gobernarles :).

 
At 12:51 AM, Anonymous Maribel said...

Precioso..
Gracias por ponerlo.!!
Un besito
Maribel

 
At 2:13 AM, Blogger Freyja said...

gracias por tus saludos
que tengan un buen fin de semana en Portugal y gane el mejor, suerte
el poema es bello, ya lo conocia y es muy lindo lo que el señor Manuel Alegre entrega ahi.(es un lindo poeta)
suerte
besos y sueños

 
At 3:19 AM, Blogger Poemas e Cotidiano said...

Oi Mixtu!
Eu votaria para o Manoel Alegre, pois o poeta sempre deixa tudo mais bonito, com pinceis coloridos de ilusao, que na verdade nao eh nada mais do que POLITICA!
Muito belo seu poema,Mixtu!
Beijos, boa noite
Mary

 
At 5:56 AM, Blogger Olie said...

En Chile tuvimos elecciones hace menos de una semana.
Yo pertenezco al bando de los perdedores.
Igual espero que Michelle Bachelet haga las cosas bien y frene la corrupción del conglomerado político, que es innegable.

Espero que en tu país, lo que suceda, sea lo mejor:

Olie

 
At 6:53 AM, Anonymous eternapartedemim said...

Obrigada Mixtu, por teres deixado este lindo poema... adorava ouvir a inconfundível voz do Adriano Correia de Oliveira, cantar este hino à Liberdade!

Beijos e bom fim-de-semana. *****

Lu Costa

 
At 8:46 AM, Blogger Andrea Recol said...

Adoro tu país y agradezco mucho tus visitas, siempre me animan. Tú eres una puerta abierta para conocer mejor Portugal ...aunque yo no suelo hablar de política.

Creo que eres una persona con una gran sensibilidad. Un besito

 
At 8:52 AM, Blogger musalia said...

o importante é não ficar em casa e não votar em branco...
(as melhoras da tua 'doença')

 
At 9:09 AM, Blogger Rosmaninho said...

Gosto muito de poesia! Gosto muito de fazer perguntas ao vento, ao rio, ao verde trevo,, à gente que passa, aos verdes ramos e ao contrário do poeta obtenho sempre respostas... mesmo que fiquem em silêncio... Gosto muito de ser alegre. Com alegria e poesia não precisamos de injecções...;) por muitos maus jeitos que aconteçam. O Rosmaninho só deseja que viva o rei, viva a república e viva o povo. Haja muita Alegria, neste fim de semana.
*)

 
At 10:45 AM, Blogger Burbuja said...

Muy bonito. Que corra el aire.
BESOS.

 
At 10:53 AM, Blogger mixtu said...

Alma:
ojalá que el viento fluya sin obstáculos, si…

Wind:
Uma poetisa não esquece um colega,

M&A:
E o que é a night?

Pedro:
Poesia, venha daí poesia…

Geri:
En Chile vuestra Presidente es MUJER!, me agrada saber…

Chocoadicta:
Que salga quien el pueblo elija, ellos sabrán quien merece gobernarles, mui bien…

Maribel:
De nada, …

Freyja
y gane el mejor… ya lo conocías el poema, me agrada saber…

Mary:
Um saludo especial.

Olie
E la democracia…

 
At 12:41 PM, Blogger sotavento said...

"Se o Dantas é Português, eu quero ser espanhol!..."

Aqui, não é o caso!... :)

 
At 1:52 PM, Blogger Lila Magritte said...

¡Hà sempre pessoas que resistem!
para depois defender a liberdade
aos cuatro ventos

um beijo

 
At 2:13 PM, Blogger almena said...

mixtu, precioso el poema.
Que éste sea un gran fin de semana.
Para ti. Y para Portugal.
:-)
besos!

 
At 2:14 PM, Blogger Rosa Anja said...

Pois é, eu vi por aqui no noticiario, sobre as eleições dai. Espero que o ganhador faça jus a confiança nele depositada.
Abraços...

 
At 2:55 PM, Blogger mixtu said...

Lu:
Não sei pôr som,

Andrea Recol:
Tú eres una puerta abierta para conocer mejor Portugal, gracias

Musalia:
O importante é dizer: presente

Rosmaninho:
que viva o rei, viva a república e viva o povo,

Burbuja:
Que corra ele Aire pela ventana.

Sotavento:
Que te dix o vento, o sota ou o barlavento?

Lila Magritte
Há siempre quiemn resiste, gracias

Almena:
Muchas gracias, amiga jasmim, : )

Rosa anja:
jus a confiança nele depositada, também solicito isso, bem-vinda a este espaço.

 
At 4:00 PM, Blogger Martuxa said...

Ai as eleições.....
Sorrisos e beijinhos
Bom fim-de-semana
=P

 
At 4:12 PM, Blogger tiny*glowing*fairy said...

aaaghhhh me estas orillando a estudiar portugues!!!!

>:P

 
At 4:18 PM, Blogger Lagoa_Azul said...

Não fosse ele um poeta e diria tudo igual aos outros candidatos...
Não fosse ele o grande homem que é, e agora estava silenciado...
É tempo de dizer da forma mais simples que existe, quem não queremos, indo votar.
Alegra-me este teu post de hoje.

Continuação de melhoras, coragem para segunda feira ;)

Bom fim de semana, beijos com carinho.

 
At 4:29 PM, Blogger Bohemia said...

Dejo aqui mi saludo...

 
At 5:07 PM, Anonymous Mércia said...

Que lindo...lindo...lindo...!
Amei...
Obrigada pela visita ao Espelho...seja bem-vinda!
Gostei muito do seu espaço, viu?
Bjos...um final de semana de muitas alegrias.

 
At 5:10 PM, Anonymous Marian said...

Si los poetas supieran más de política y los políticos más de poesía, la humanidad sería diferente.
Hermoso el poema,gracias por quererme feliz... y no pierdas el sentido del humor.
un besin, com carinho:)

 
At 5:11 PM, Blogger Masgorellie said...

Super, un poeta fuera de serie, me gusto eso de:
" El que gusta de tener amos
va siempre con hombros curvados "
Mixtu: deseo lo mejor para tu Pais,
que Dios de sabiduria a tu pueblo para votar.

 
At 5:11 PM, Anonymous Mércia said...

ops...bem-vinda?...bem-vindo?
Bjos renovados Mixtu

 
At 5:17 PM, Blogger Sara MM said...

bem conta a minha avó que...
;o)

safámo-nos de boa!
:o)

BJs

 
At 5:34 PM, Blogger Maria said...

Bom fim de semana
Beijos

 
At 5:55 PM, Blogger mixtu said...

Martuxa:
Ai as eleições e a questão: deve um monárquico ir votar?

TinY:
Claro, a que aprender português…m claro que si… te estou orillando?

Lagoa Azul:
Obrigado pela coragem, ai 2ªfeira…

Bohemia
Saludo, chica, siempre a volar…

Mércia:
Amei… é bem-vindo, : )

Marian:
poetas supieran más de política y los políticos más de poesía, la humanidad sería diferente., mucho bonito.

Masgorellie:
" El que gusta de tener amos
va siempre con hombros curvados "
Saludos para el Mexico

Sara MM:
As avós… e o teu avó médico que ia de burro…

Maria
Para ti também...

 
At 6:16 PM, Blogger Ana said...

:))
Have a nice weekend!
bjos*

 
At 6:20 PM, Anonymous the guardian said...

é o mais belo poema de Manuel Alegre.

p.s. não esperava essa atitude face ao Colombo, afinal são mais os indícios de que não era genovês do que os indícios de que o era.

abraços.

 
At 8:11 PM, Blogger Freyja said...

gracias por tus saludos y lo que escribo son siempre mis pequeñas cosas mias.
hay dias de mil alegrias y otros que se siente nostalgia.
gracias, buen fin de semana y que salga todo bien en la elecciones

besos y sueños

 
At 8:23 PM, Blogger Sol said...

hermoso poema..
mi abrazo.. mi amistad..

 
At 8:47 PM, Blogger Cruzeiro said...

A poesia deixa-nos sempre a mente a divagar...
Bom descando das injecções...:)
As melhoras.

 
At 9:17 PM, Blogger @ said...

Vi o Alegre a declamar o poema e fiquei de queixo caído.

 
At 9:48 PM, Blogger Su said...

há spre alguém q resiste/há spre alguém q diz não

gostei de reler
jocas maradas e bom fds

 
At 11:42 PM, Blogger mixtu said...

Ana:
Igualmente,

The guardian:
Lendas, ou melhor, são rosas, senhor…

Freyja:
Besito, amiga

Sol:
Gracias,

Cruzeiro:
obrigadinho

Arroba;
Lindo, o queixo, : )

Su:
..marada…

 
At 3:37 AM, Anonymous bravo said...

Não voto Manuel Alegre nem sou sequer de Esquerda, mas isso não me impede de achar este poema absolutamente fantástico. Acho que resume bem uma certa oscilação entre a esperança e o desespero que os oposicionistas ao regime fascista deviam sentir naquela época.

Abraço!

 
At 9:09 AM, Blogger Nuno Marques said...

This comment has been removed by a blog administrator.

 
At 9:10 AM, Blogger sem cantigas said...

facciosa... o poeta hem?
eu diria o homem que veste fatos por medida, gravatas lindas e como lhe assentam bem! apre!

 
At 9:12 AM, Blogger Nuno Marques said...

como já sabes o meu voto é para o Manuel Alegre.

Alegre apelou às mulheres, lembrando que são elas quem decide o voto. Recordou que Cavaco Silva se esqueceu das mulheres no seu manifesto eleitoral e insistiu na defesa da igualdade de género na política, no trabalho, na vida, sem a qual a democracia não será completa.
O candidato assegurou que quer voltar a dar a todos a capacidade de sonhar, em especial à geração jovem, que tem os horizontes fechados.

Viva o poeta...

hasta siempre

 
At 4:25 AM, Blogger palabraserrantes said...

Gracias por el poema Mixtu!
Un beso enorme

 
At 4:58 AM, Blogger palabraserrantes said...

Mis condolencias por Cavaco Silva... :-(

 
At 3:28 PM, Blogger Tatiana Valentina said...

o Manuel Alegre é um belo poeta...isso sim... vá lá flagela-me : EU VOTEI CAVACO ! SOU DE DIREITA :P

 
At 12:26 PM, Blogger Galo Rouco said...

Viva o Rei? Viva Elvis! É o único Rei que merece respeito!

Abraços, ao doentinho!

 
At 12:57 AM, Blogger Lis57 said...

MIXTU

Passei por aqui para agradecer a visita que fizeste aomeu «cantinho».
Parabéns pelo teu blog, gostei.

Boa semana

 
At 6:20 PM, Blogger Alemama said...

El comentario nº 51 para esta entrada es para saludarte.
¡HOLA! desde Chile en el fin del mundo ;)

 
At 1:43 PM, Blogger sem cantigas said...

não há aqui um postezito modesto?
"carácoles"

 

<< Home

António Vega-Lucha de gigantes

_______________________________________________25.000 visitantes (Anterior counter),
ecoestadistica.com