Wednesday, August 01, 2007

MOLTS PETONS

Tal como Benedetti (que aplica um questionário não tradicional aos escritores),

eu, aos senhores da guerra, só lhes perguntava:

Sabiam que as vossas mães em vez de vos comprar Panrico sem côdea, insistiam sempre em comprar com côdea?

Quando pensam fazer a guerra... é antes ou depois dos supositórios?

Têm consciência que os supositórios não devem ser tomados mas devem ser enfiados?

E que “molts petons” é catalão e quer dizer muitos beijos e não muitas patadas?


Como Benedetti, aplica un cuestionario no tradicional a los escritores, yo lo aplico a los señores de la guerra, les pregunto únicamente:
¿Sabían que sus madres en lugar de comprar Panrico sin corteza insistieron siempre en comprarlo con corteza?
¿En que momento piensan para hacer la guerra? ¿Lo hacen antes o después de tomar supositorios? ¿Tienen conciencia que los supositorios no tienen que ser tomados, sino que deben de ser introducidos?
¿Sabían que "molts petons" se usa en catalán y significa muchos besos y no muchas patadas?
(traducción del castellano para portugués :-) Brisa. Nuestra amiga tiene un post que habla, también, de paz e de "beijos")

Vuestro tanque, general, es poderoso
derriba un bosque, destruye hombres
pero tiene un defecto
necesita un motorista

vuestro bombardero, general, es poderoso
vuela más rápido que la tempestad
y transporta más carga que un elefante
pero tiene un defecto
necesita un piloto

el hombre, mi general, es muy útil
sabe volar, sabe matar
pero tiene un defecto
sabe pensar
(Bertold Brecht)

140 Comments:

At 12:34 AM, Blogger alfazema said...

É um privilégio escrever neste blog o primeiro comentário em qualquer post mas, neste caso, é com o coração dorido que vou descer a esse inferno e dizer, com dificuldade, algumas palavras. Quando leio um comunicado da ONU que diz que em dez anos morreram dois milhões de crianças em todo o mundo, vítimas da guerra, quando ouço que outros tantos ficaram órfãos, sem qualquer familiar que lhes garanta condições mínimas de vida, incluindo o carinho e a protecção necessários para o seu desenvolvimento equilibrado e harmonioso, quando observo os destroços resultantes dos bombardeamentos, os rostos dilacerados dos homens e mulheres que ficaram sem nada de um momento para o outro, só porque uns quantos senhores donos do mundo assim o decidiram, sinto uma revolta enorme e uma vontade de gritar por aqueles que não têm voz, que nunca a tiveram, que nunca virão a ter que estas situações são de uma grande injustiça e de uma prepotência inqualificável . Não se podem cometer impunemente crimes desta dimensão.Foi o Iraque contra o Kweit, foram os E.U.A. contra o Iraque, foi Israel contra o Líbano...isto não pode continuar! Saibamos todos gritar bem alto: Não à Guerra!
É urgente a Paz!

 
At 11:16 AM, Anonymous Brisa said...

Estoy con alfazema es su comentario, É urgente a Paz. Es urgente la Paz. És urgent la Pau. Peace now. Que no quede nadie sin entender que deseamos la paz.

Es necesario que las risas sustituyan a las lágrimas, que la paz sustituya a la guerra, que los besos sustituyan a las patadas, y que la vida sustituya a la muerte.

Necesito Paz ¡¡¡
Petons. Kisses. Besos. Beijos. El amor tampoco entiende de idiomas se siente en el corazón, solo se siente y a partir de ahí se expande.

Gracias Mixtu

 
At 11:20 AM, Anonymous Brisa said...

Se me pasó poner que me gusta como lo has expresado y que te hayas hecho eco, así como el texto de Bertold Brecht, es muy ilustrativo de la realidad, muitos beijos¡¡

 
At 12:36 PM, Blogger katraponga said...

"Lá fora estão os senhores da guerra
E cantam já hinos de vitória
Qual é a historia desta terra?
É o medo, ali mesmo

Cá dentro estão os homens á espera
Unidos no destino da terra
Já não há memória de paz na terra
É o medo, ali mesmo

Ó terra, Mais um dia a nascer
Ai, é menos um dia a morrer
É tão pouca a gloria duma guerra
E os homens que as fazem sem vitorias
Já não há memória, de paz na terra
É o medo, ali mesmo"

Pedro Ayres Magalhães

 
At 12:38 PM, Blogger Ebla said...

Bonito canto, bonitas palabras a la paz,...la paz, lo único que debiera ser eterno, lo único que no debiera tener barreras, ni fronteras, ni colores...
beijos, y petons y besos

 
At 3:27 PM, Blogger Alba said...

Bom diaaaaaaaa...
Meu querido, passando rapidinho... conexão discada hoje... snifff..
Beijão

Alba

 
At 4:03 PM, Blogger Joel Langarika said...

Y cuata razòn en esas palabras de Brecht. NO A LA GUERRA, pero al parecer los que nos gobiernan solo ven el intere$$ de la misma. Un abrazo desde mis mares.

 
At 4:22 PM, Blogger marginal said...

só hoje vi o teu apelo. não podia deixar de responder à chamada...

vou p'ra férias depois reencontramo-nos por aí...por aqui...

 
At 4:26 PM, Blogger Gab said...

Mixtu, qué palabras tan sabias.

Cuándo será la hora que termine todo esto?
Cuándo?

 
At 5:50 PM, Blogger Leodegundia said...

Si nos preguntan, todos estamos a favor de la paz pero lo que no entiendo es que la mayoría de la gente sólo grita y protesta y se queja cuando estallan algunas guerras específicas, de otras, nadie se acuerda, de otras, nadie habla, de otras nadie protesta. ¿Por qué?.
Un abrazo

 
At 6:33 PM, Anonymous Trini said...

Ojalá llegue la paz. Hoy, ahora, ya...
Sin demoras, sin cuestionoes a discutir. La paz ya por que es el derecho de todos. Porque la vida merece ser vivida en paz física y espiritual.

Paz. Paz. Paz. Paz...

Besos

 
At 6:42 PM, Blogger sensual said...

Questões que se fariam... como: Nunca pensaram em se suicidar?

Quem sofre com a guerra? Não são os líderes, são os desgraçados dos inocentes...

Molts Petons

 
At 6:54 PM, Blogger Chary said...

PUes sí... el hombre es capaz de construir y destruirlo justo de seguido. Da pánico pensarlo.

Besos!

 
At 7:04 PM, Blogger El Navegante said...

Mixtu, tengo que felicitarte por esa humanidad que encierran tus pensamientos.
Tengo que felicitarte por estar rodeado de gente tan valiosa (no lo digo por mí), que comprendiendo esta virtud,ya comienza a acompañarte y son um monte, barbaridade.
Te voy a dejar algo de esperanza, algo relacionado con el espíritu de tus palabras, de las de Bertol Bretch, y de lso amigso que hasta ahora copmentaron.
Sabes, creo que alguna vez te hablé de eso, que soy un apsioandado de un fenómeno universal, las coincidencias de ciertos pensamientos de la gente, más allá de los idiomas, de las fronteras de los siglos mesmo.
Tuviemos por acá, un gran pensador y escritor, Juan Bautista Alberdi.
Creo que su obra es del siglo XIX si no estoy errado, y escribió ubn libro que debería ser traudicso a todos los pueblos de la tierra.
Se lama "EL CRIMEN DE LA GUERRA"
Como el nombre lo dice, su teoría es que así como se juzga y castiga a un asesino de cualqueir crimen contra otra persona, también hab´ria que juzgar a quienes lo cometen ordenando se desaten guerras entre lso pueblos, pues lo consideraba un verdero crimen.
Una utopiá y nada más?
O tanta verdad que nadie se animaría a enfrentarse al Tribunal que le correpondería , y por eso , aún por aquí, es un libro olvidado casi por todos los intelectuales del poder sobre todo.

Y yo agrego, para terminar, por qué no tienen lo que hay que tener los dirigentes que gobiernan las naciones en conflicto, y deciden como última instancia, si no hay otra, batirse a duelo entre ellos solitos.
Sería muerto o tal verz apenas herido uno sólo, como hacían los caballeros de honor de otras épocas.
Aunque la causa no sea la más justa que se imponga con el triunfador, ¿cuántos millones de vidas desde Atila en adelante se hubiean salvado de esas masacres?,
El mundo ya tendría uan sucursal en la luna, de tantos sobrevivientes.

PAZ, BASTA DE GUERRAS SEA DE DONDE SEA Y ENTRE QUIENES SEAN.
Un fuerte abrazo.

 
At 7:54 PM, Blogger Meia Lua said...

Os senhores da guerra fazem guerra por vários motivos, todos envolvem o dinheiro e o poder... Mas principalmente, porque de certeza... os seus filhos não vão para lá lutar...
que venham os beijos, em catalão, em qualquer língua, desde que sejam de esperança... :*

 
At 9:47 PM, Anonymous azzura said...

Yo he llegado a la conclusión, bastante evidente, de que los humanos somos los mas inhumanos de los seres vivos que habitamos este planeta... hace falta gente como tú Mixtu! que post tan lindo;))
MGSSEDLFET !!

traduccion...
Me Gustaría Saber Si El De La Foto Eres Tú !!

besitos

 
At 9:51 PM, Blogger Ana said...

Palavras fortes...

 
At 11:00 PM, Blogger No te Salves said...

Creo que la guerra durará mientras haya humanos en el camino...besotes!!

 
At 11:35 PM, Blogger Musician said...

Mixtu, venho entregar-te mil beijinhos acompanhados com a tua música preferida!*

 
At 11:39 PM, Blogger alfazema said...

Tenho na minha frente uma das revistas semanais de informação que costumo ler. Em duas páginas, centrais, aparece um dos bairros de Beirute completamente destruído. No meio dos escombros, uma criança, de uns dez a doze anos, procura ansiosa pelos familiares. O meu coração ficou destruído, fica destruído sempre que vê imagens de guerra. Haverá alguma razão que justifique uma "matança" com esta dimensão. O ser "humano" é incompreensível,é egoísta, é Desumano, é prepotente, é mau, muito mau, não presta. O Poder cega-o!

 
At 12:02 AM, Blogger AnaGarrett said...

Diga não à guerra para mais tarde dizermos "Não há guerra".
Seria bom. Beijinho

 
At 12:14 AM, Blogger AnaGarrett said...

Se preferes quadros com "Molt Petons", fica atento porque lá mais para a frente há alguns que te irão agradar, provavelmente.
Se bem que não os vou apresentar no blog antes de Outubro.
Porque são novos e são para a próxima exposição de pintura.
Beijinho

 
At 12:14 AM, Blogger Velutha said...

Não podemos evitar as catástrofes naturais: um terramoto, um tufão, um tsunami... mas podemos evitar a guerra. E deu Deus a inteligência ao homem...para quê? A ânsia do poder cega e a inteligência vai-se.
Beijinhos

 
At 12:44 AM, Blogger Princesa Dariak said...

Exelente tu reflexion, Benedetti es muy locuaz y las preguntas son... explosivas.
Por otra parte, me conmoviò leer el poema de Bertold Brecht, a quien admiro...
Gracias por tus palabras.
Tambien por ayudarme a comprender portugues.
Las palabras son fronteras y quiero derribarlas... je.

Un abrazo de Luz.

 
At 12:46 AM, Blogger Princesa Dariak said...

fe de erratas: los idiomas son fronteras.

 
At 12:49 AM, Anonymous ana garrett said...

Pensava que era com Petons mesmo. Eh, eh, eh.
Assim não tenho sorte nenhuma. É que não são do teu estilo.
Qaundo comecar a mostrar a minha fase abstracta, talvez te agrade mais.
É que há já alguns anos, quando comecei a pintar a sério, fazia muito abstracto. E tinham bastante sucesso.

Beijinhos.
Vou dormir que já estão todos deitados.
Até amanhã.

 
At 1:00 AM, Blogger blugaridades said...

passei para ler o teu post e deparo-me com o mesmo tema. Ontem postei sobre tão hediondo crime!
bjs

 
At 3:49 AM, Blogger Santa said...

MIXTO

Todos os ensinamentos de de~encia que aprendi e pelos quais defendi ao longo da vida vejo cair na tela de uma TV. Retratos de uma guerra.



Que abandono! Sinto sua falta la no blog!

 
At 4:37 AM, Blogger Gab said...

Ahora entiendo lo que quiere decir.

Molts Petons Mixtu :)

 
At 6:30 AM, Blogger Freyja said...

abrazando la paz
y que tengas una linda semana, besitos a Carmencita y para ti


besos y sueños

 
At 7:29 AM, Blogger Oceanida said...

Mis deseos de paz.

Un abrazo.

 
At 9:46 AM, Blogger segurademim said...

... não à guerra! acabem com isto hoje, já!!!!!!

para ti besitos

 
At 10:07 AM, Blogger Rosmaninho said...

Bom Dia, Mixtu!

Os senhores da guerra não comem pão, Mixtu...
Comem uma mistura que não lhe cresce côdea nem miolo, que os enfurece e que os torna assassinos...

Quem come pão com côdea e com miolo pensa no Bem, Respeita e Ama o Outro!

As crianças, Mixtu! Ai as crianças!...
Maldita guerra! Que monstros, os senhores da guerra e do mundo!

É tão fácil fazer Paz, parece-me! Basta haver vontade...

~*Um beijo*~

P.S. "Molts petons" só podia ser "muitos beijos". Tu és um homem de Paz!:)

 
At 1:40 PM, Blogger As cores da vida said...

Há que dizer não a tanta coisa...!

Um beijo, mixtu*

 
At 1:53 PM, Anonymous su said...

O pensamento pelas palavras pode ser uma arma deveras poderosa!Mas quem não as sabe ouvir também não aprende com as mesmas...
A guerra espalha-se pela terra como uma doença vergonhosa concretizada por "nós": nós que aceitamos, nós que consetimos, nós que observamos, nós que somos muitos mas muitos e deixamos...e os poderosos que são poucos, um punhado deles e tanto podem...é a verdadeira forma de manifestação do que é o poder.

xxx

Gostei do termo "molts petons"!
Mixtu, na Teia hoje fica um poema em espanhol. : )

xxx

A linha da Beira Alta...há muito que não faço essa viagem para a terra dos meus pais de comboio...mas daqui a uns dias farei esse caminho para visitar mais uma vez algures uma dessas terras da Beira Alta...génese da minha família...

Molts Petons para ti!

 
At 4:51 PM, Blogger Elipse said...

Palavras sábias, Mixtu. Mas eles são surdos, habituados que estão aos estrondos dos rebentamentos já nem sabem o gosto das melodias.

 
At 5:08 PM, Blogger Blue said...

QUE EL ECO DE TU LLAMADO CRUCE MARES OCEANOS..Y DE LA VUELTA AL MUNDO,.
bESOS

 
At 8:29 PM, Anonymous Credendo Vides said...

Me encanta el poema del Silencio q has puesto en otro post, pero como he llegado tarde te dejo aquí el comentario y así mato dos pájaros de un tiro.
Yo sí sabía lo de los besos (viví en Barcelona un tiempo) pero es curioso lo del pan sin corteza o con ella jejeje.
Saludos desde el Inframundo.

 
At 11:40 PM, Blogger Flores de Alquiler said...

Contigo Mixtu...POR LA PAZ
Un fuerte abrazo

 
At 12:04 AM, Blogger ««Ariadne»» said...

paz

la guera no resuelve nada

 
At 12:26 AM, Blogger gota de tinta said...

la guerra, siempre una estupoida accion, de estupidas personas que mas bien no saben pensar.

Beijos!!!!

 
At 2:07 AM, Blogger Puffetta said...

Se acabo el silencio...

Vuelvo a sentir.!

Beijos...

Yasna.

 
At 4:22 AM, Blogger MaleNa said...

Ante tus palabras, mi silencio.

Unamos nuestra fuerza , por la vida que es la paz.

Abrazos.

 
At 4:33 AM, Blogger AZUL said...

Tantos nos desgatamos en guerras inutiles...injustas, que solo nos queda luchar desde nuestros lugares con paz...y por arma la honestidad en todos nuestros actos.

Mil bikos. ):)

 
At 9:59 AM, Blogger DE PROPOSITO said...

Andei por aqui. O que poderia dizer já foi dito por muita gente.
Fica bem.
Um abraço.
Manuel

 
At 10:55 AM, Blogger Seleka said...

el hombre sabe pensar pero tiene un defecto...a veces desconoce la solución y menos aún, cómo llegar a ella...o peor...lo conoce pero sus prioridades le convierten en un ser terroríficamente egoísta.
Saludos

 
At 11:38 AM, Blogger Rui said...

Nunca!

 
At 12:46 PM, Blogger Poemas e Cotidiano said...

Oi querido Mixtu e Carmencita:
Ainda estao abracadinhos na Europa?
Vim aqui para lhes deixar meu Beijo de Bom Dia!
Que sempre possa haver a PAZ, ah! como sonhamos com ela!
Um beijo carinhoso
MARY

 
At 1:31 PM, Blogger elogio_del_horizonte said...

OJALA, como dice mi niña OPALO.
UN BESOTE FUERTE LLENO DE PAZ

 
At 1:45 PM, Blogger Eternal said...

SIM À vida!!!!
Beijinho Lunar

 
At 2:20 PM, Blogger francis said...

... e afinal o ser humano é o menos humano dos seres!
Um abraço!

 
At 2:57 PM, Blogger Ana P. said...

A guerra, a guerra...

O que direi eu?

Uma opinião: Se o mundo fosse comandado pelas mulheres penso que seria tudo tão diferente...

 
At 4:36 PM, Blogger fgiucich said...

Paremos la guerra, Señor, que todos queremos la paz. Hay que buscarla a cualquier precio. Abrazos.

 
At 4:40 PM, Blogger Maggy said...

Boa tarde MIXTU, após longa alguma ausência com umas feriazitas razoáveis, cá está a Maggy a visitar-te para saber como os estão os ventos aí por Espanha?? Em tempos de verão e calor não falemos de guerra amigo! Eheheheh não te ofendas que a Maggy está brincando! Besos!

 
At 6:06 PM, Blogger Lila Magritte said...

Ese es el asunto. Parece un defecto cuando se es capaz de pensar pero no de resolver los problemas básicos que la humanidad enfrenta por los siglos de los siglos.
Y la paz debiera ser siempre el primer objetivo por el cual luchar.

Abrazos.

 
At 8:29 PM, Blogger Princesa said...

é terrivel pensar que na época em que vivemos, e com tudo o que já passamos, ainda há gente a favor da guerra!
Beijos tristes

 
At 9:32 PM, Blogger Uma -La rubia del Muelle- said...

Mixtu, precioso post, la paz es cosa de todos los dìas.
Te dejo muchos abrazos, que te echo de menos, eh?

Petonets maco!
:)
de chocolate, claro...

 
At 10:20 PM, Blogger lena said...

num grito, leio alto e deixo aqui :

Ode à Paz


Pela verdade, pelo riso, pela luz, pela beleza,
Pelas aves que voam no olhar de uma criança,
Pela limpeza do vento, pelos actos de pureza,
Pela alegria, pelo vinho, pela música, pela dança,
pela branda melodia do rumor dos regatos,
Pelo fulgor do estio, pelo azul do claro dia,
Pelas flores que esmaltam os campos, pelo sossego,
dos pastos,
Pela exactidão das rosas, pela Sabedoria,
Pelas pérolas que gotejam dos olhos dos amantes,
Pelos prodígios que são verdadeiros nos sonhos,
Pelo amor, pela liberdade, pelas coisas radiantes,
Pelos aromas maduros de suaves Outonos,
Pela futura manhã dos grandes transparentes,
Pelas entranhas maternas e fecundas da terra,
Pelas lágrimas das mães a quem nuvens sangrentas
Arrebatam os filhos para a torpeza da guerra,
Eu te conjuro ó paz, eu te invoco ó benigna,
Ó Santa, ó talismã contra a indústria feroz,
Com tuas mãos que abatem as bandeiras da ira,
Com o teu esconjuro da bomba e do algoz,
Abre as portas da História,
deixa passar a Vida!

Natália Correia

com um lamento, um choro interior, onde me sinto incapaz e muito pequena para combater tamanho sofrimento, o meu abraço fica aqui, num o grito pela paz

um beijo

lena

 
At 11:08 PM, Blogger bohemiamar said...

Totalmente de acuerdo contigo.

Un abrazo.

bohemiamar.

 
At 11:35 PM, Blogger blugaridades said...

quem passa pelo teu blog não pode comentar assim: gostei muito do teu post. beijinho
Este comentário tipo ou típico não diz nada. Faz-se lendo ou mesmo sem ler o post. Mas aqui há um apelo, uma chamada de atenção para uma situação inexplicável nos dias de hoje. Num tempo em que o homem tem soluções para tudo, revela-se impotente para exterminar esta calamidade que dura mais tempo que qualquer outra, comporta custos elevados que poderiam ser aplicados em benefício daqueles que vivem em condições infra-humanas, sem casa, com fome,com frio, com doenças... A guerra causa danos irreparáveis como perda de vidas, aldeias e cidades destroçadas, famílias desfeitas. Quem pára isto? Não é possível porque os ricos e poderosos que dela vivem querem a sua continuação. É tempo de dizer: Basta. Contudo, quanto a mim, o cepticismo diz-me que só acabará quando o homem acabar.
Beijinhos

 
At 12:26 AM, Blogger Cruzeiro said...

Infelizmente só nos resta esyar contra a guerra e critica-la, pois não está nas nossas mãos mais nada.
Servem-se de desculpas como o terrorismo para fazer a guerra, mas quem nos protege destes terroristas?
Combater o terrorisno com terrorismo não é de forma alguma solução, pois os inocente não têm culpa e são eles quem mais sofre.
Beijo

 
At 12:19 PM, Blogger incondicional said...

Muchos besos amigo Mixtu, ójala un día no muy lejano, las únicas guerras activas sean las de besos y abrazos entre toda la humanidad, pidamos lo imposible !!!!

 
At 4:48 PM, Blogger salamandra said...

la guerra parece ser el pan de todos los días.

será que la ignorancia también lo es?

chale!! (como se dicen en méxico)

saludos

 
At 5:01 PM, Blogger Saramar said...

Voltando de férias e ainda meio ensolarada, de repente me deparo com aquela cena de uma criança escrevendo em um míssel que provavelmente irá atingir outras crianças, entendo o seu lamento e choro com você.

Exelente texto, excelente blog.

Beijos

 
At 6:24 PM, Blogger Angélica said...

Yo quiero la paz...

 
At 6:55 PM, Blogger MalucaResponsavel said...

Ola,
passar por aqui é sp um risco... pq escreves aqui coisas, algumas bem-humoradas, cm é o caso deste artigo, mas que em deixam sp a pensar... bj

 
At 6:55 PM, Blogger MalucaResponsavel said...

ah!. e molts petons pa ti.

 
At 9:36 PM, Blogger nika said...

aplausos para ti, amiga, jamás callemos, jamás...

besos

 
At 11:14 PM, Blogger lazuli said...

molts petons contra a guerra e o genocídio. Bem hajas..

 
At 12:11 AM, Blogger Tons Pastel said...

Fazes falta na blogoesfera, mixtu. Para onde foste de férias?
Beijinhos

 
At 12:17 AM, Blogger ojitos said...

ta muito lindo isse poema...nao tinha lida, mas me fez chorar quando o fiz...que horrivel pensar que no mundo ha tanta guerra..precisamos de mais pessoas lutando pela paz..
um grande abraço..
bjo

 
At 9:28 AM, Blogger Betha said...

É impressão minha ou estás um ano adianatado?

2007? LOL

beijokas

 
At 10:08 AM, Blogger Silvia said...

È um post, como sempre, fenomenal. E o triste é que nos habituamos muito facilmente a ver a guerra na televisão e esquecemo-nos que é verdadeira. Quando tive na fronteira com o Kosovo a trabalhar no campo de refugidos tive oportuniddae de perceber que é a sério! Morre gente, há feridos, familias ficam desmenbradas e deixa sequelas para a vida.

 
At 10:51 AM, Blogger ♦♦♦sol♦de♦soles♦♦♦ said...

! NO A LA GUERRA¡... encadenadas en amor y por la PAZ... Mixtu que
la fuerza de tu blog haga circular este NO, lleguen tus preguntas a esos bárbaros asesinos y sepan que
sabemos pensar, amar y conciliar,
que no aceptamos su ODIO... TODOS SOMOS HERMANOS.
Mil PETONS por LA PAZ... a ti y a Carmen.

P.D. me llegó el MEMEMÓJATEBLOG, te pido algo...

 
At 3:12 PM, Blogger Esmeralda said...

Como dijo Gandhi: "No hay camino para la paz, la paz es el camino."

Mientras los corazones sigan deseosos de poder, veo difisil que esto pare.

Un saludo y gracias por tu huella en mi blog ;)

 
At 4:35 PM, Blogger marvision said...

yo también escribí sobre la guerra
un saludo marvision

 
At 10:14 PM, Blogger incondicional said...

No recordaba que ya te había comentado éste post, aprovecho para dejarte otro abrazo( nunca tenemos suficientes) y dejar un saludo para Brisa, he ido a su casa y encontré cerrada la puerta.

 
At 10:18 PM, Blogger incondicional said...

No dejas comentar en los anteriores? :-O, bueeeeeno pues te lo digo aquí, me encantan las fotos y los poemas.
Más abrazos.

 
At 11:43 PM, Blogger pamels said...

Ese es el problema, se piensa, no se siente...
las mejores acciones, siempre son aquellas orientadas por el corazon, no por el cerebro...


abrazos de paz

 
At 12:38 AM, Blogger Mac Adriano said...

Com que então, catalão... Suponho então que deve ser a língua oficial do Mali e do Burkina Faso (Burkina Faso, raio de nome! Não poderia ter continuado a chamar-se Alto Volta? Vê lá se os convences...). De resto, genial, o Bertold Brecht.

 
At 7:45 AM, Blogger bohemiamar said...

Te traigo más besos para todos/as.

bohemiamar.

 
At 7:49 AM, Blogger blugaridades said...

bom dia, Mixtu
De férias com que então? E não deixa aqui umas palavritas!
Bem ,Molt petons não deixa de ser uma despedida...por uns dias.
Bjs

 
At 3:19 PM, Blogger Luisa said...

Lindo e realista poema sobre a guerra! Anseio pelo dia em que esta guerra acabe, que acabem todas as guerra e que os homens se beijem em todas as fronteiras!

 
At 6:34 PM, Anonymous aflores said...

Sabem pensar...nem sempre da melhor maneira, mas sabem.

 
At 7:27 PM, Blogger missixty2000 said...

Andas a seguir-me as linhas do pensamento?? tb tenho lá um post "no war"!!
Vim despedir-me, vou de férias!Deixo-te lá uma beijoca no meu blog!

 
At 11:55 PM, Blogger sensual said...

This comment has been removed by a blog administrator.

 
At 11:58 PM, Blogger sensual said...

o meu melhor amigo é o um segundo EU, sê amigo, cuida de ti e contribua para a paz.

 
At 12:40 AM, Blogger naoseiquenome usar said...

Nada disto faz sentido! Menos ainda quando morrem tantos inocentes, alegadamente em "legítima defesa".

Beijo.

 
At 6:59 AM, Blogger Paulina said...

Si ya basta de tanta matanza y atropello a los seres humanos , cuando ira a acabar esto? pues no lo se , pero si se que en cada uno esta tratar de hacer un cambio ...
Besitos Mixtu ten buen fin de semana

 
At 7:00 AM, Blogger Ratoncilla said...

Paz es el deseo de todos , ojala la lleguemos a alcanzar ...
Muchos abracitos para ti...

 
At 7:28 AM, Blogger alfazema said...

Molt Petons

Passei para te dar conta das saudades que tenho de ti, deixar-te beijinhos e gritar: Não à Morte!

 
At 8:06 AM, Blogger Freyja said...

dejando un abrazo para ti y Carmencita
un lindo fin de semana



besos y sueños

 
At 2:45 PM, Anonymous paloma said...

"pero tiene un defecto
sabe pensar..."
besitosssss
paloma

 
At 5:03 PM, Blogger Lagoa_Azul said...

Partilhando culpas de guerras,



Culpada assumo,
declaro-me culpada,
condescendi com o homem que criei,
e o seu rumo foi a discórdia…

Crianças, filhos de gente de guerras mudas,
em que o único silencio ouvido,
são choros escondidos na alma,
ecos vazios de noite iluminada…

Hipocrisia carrego nos braços,
ensanguentados júbilos de homens que dantes,
foram perseguidos quando o seus sonhos,
os seus únicos sonhos era de brincar com esboços de risos…

E agora, quem culpa as crianças de outrora de hipocrisia?!!!
E agora me assumo pois o meu filho está em luta,
entre sorrisos ingénuos de criança e beijos mortais condenados….



Lagoa_Azul



Molts Petons, com carinho....

 
At 5:56 PM, Blogger alegriadequerer said...

estoy aqui contigo en esta jornada por la paz resibe un beso y el mejor de los abrasos con la mejor
ALEGRIADEQUERER

 
At 8:20 PM, Blogger Silvio Vasconcellos said...

o que dói na humanidade é ver que aquele sque passaram por um holocausto, hoje estão à beira da terra prometida promovendo um novo contra seus irmãos.
Até quando a intolerência vai sepultar vidas?
Até quando o ódio vai ser retroalimentado?
Até quando as nações ricas serão coniventes com o genocídio?

 
At 8:24 PM, Blogger Poemas e Cotidiano said...

Mixtu, vim aqui nessa tarde de Sabado lhe desejar um lindo fim de semana, para voce e a Carmencita.
Donde estas? Ainda esta vijando?
(pardon my Spanish!).

Beijos aos dois
MARY

 
At 11:39 PM, Blogger -Sedna- said...

Es una salvajada que sigan pasando estas cosas... tienes mucha razón en tus palabras, triste pero asi es...
Besos y paz mucha paz.

 
At 2:05 AM, Blogger amigona said...

Tal como a alfazema disse: É urgente a Paz!!!

 
At 2:59 AM, Blogger Santa said...

MIXTU

Atualizando o cultural (rsss). O que vem a ser "Panrico" e "côdea"??
Bjs

 
At 10:24 AM, Blogger reina said...

Barbaridades como la guerra y sus consecuencias, me hacen pensar que el infierno está en el tierra, que no hemos de ir más allá.

La esperanza que nos queda es que el cielo también se halla entre nosotros, y lo podemos crear, igual que lo otro...

Petons desde Barcelona.

 
At 12:48 PM, Blogger MentesSueltas said...

Estoy contigo y apoyando la paz y el amor...

Un abrazote repleto de buena energía.

MentesSueltas

 
At 4:06 PM, Blogger alfazema said...

Passei para te deixar um beijinho e gritar: Não À Guerra!

 
At 4:43 PM, Blogger ALCON said...

Hola!

Cuando hay tiempos dificiles las palabras de aliento tan lindas como estas levantan mucho el ánimo!

Ojalá pronto haya paz en el mundo.

Lindo post un abrazo.

 
At 8:10 PM, Blogger Uma -La rubia del Muelle- said...

105 beijinhos para voce desde el muelle.
Quizà mi botellita llega a su mar, desde mimar.
Abrazos!

 
At 12:29 AM, Blogger {-Sutra-} said...

Não à guerra... lutar pela paz...
Como se pode ouvir de um lado que se tenta parar o conflito e do outro lado que outros se poderão juntar para não pemritir que ele páre?
Quem assim pensa não tem famílias? Crianças? Inocentes que morrem às mãos da luta pelo poder?

 
At 9:29 AM, Blogger incondicional said...

No recuerdo si tienes plantas o no, has dejado alguien encargado?, pasé y como no tenía llaves no pude entrar ;-)

Abrazos de lunes.

 
At 9:41 AM, Blogger Mirada said...

si a paz, si a vida das árbores, o desencanto apropiase das nosas ialmas, si a ledicia, si a esperanza, si.. si..si... si... ó ben, a tenrura, a amistade, a solidaridade... si a paz de cada un e unha de nós, si as forzas e as gañas de construir.
Milleiros de bicos. Molts petóns, muitos beijos.... entre todos e todas. Saúde, vai por todo o ser vivo e morto.

 
At 9:51 AM, Blogger Dani said...

NÃO

 
At 12:53 PM, Anonymous Brisa said...

He pasado para dejar un abrazo lleno de cariño que nos envuelva en aire de paz y me he encontrado con una sorpresa, incondicional, mis puertas siempre estarán abiertas para los corazones amigos, y el tuyo lo es para mí, solo que en estos días quizás me encerré un poquito en una coraza fina.. pero una coraza supongo al fin y al cabo, a veces es que ir desnuda hace que las cosas duelan más y.. pero mi correo está y mi puerta está abierta solo que quizás de momento.. de manera diferente...

Yo también voy a aprovechar que nos hemos encontrado en el salón para tomar un té contigo y darte un besito y mis gracias por tí.
Besos

 
At 3:58 PM, Anonymous fa said...

Não á guerra...

Mas para quando o fim de todas as guerras?
Para quando o fim do sofrimento?!
Beijossssss

 
At 7:09 PM, Blogger Cláudia said...

Concordo contigo...!
quem morre são os inocentes....e porque??
Vi na revista visão uma foto que me chocou, uma criança morta.
Horrivel!
Beijinho miguito...continua assim

 
At 9:00 PM, Blogger meiga said...

hola guapeton, gracias por seguirme mientras me dedicaba a surcar los mares....
muchos beijos (esa asi?) para ti y para carmen

 
At 9:16 PM, Blogger Bohemia said...

Muy original tu forma de abordar este tema. abrazos

 
At 10:04 PM, Blogger chuvamiuda said...

Venho em missão de paz......


Boa noite

 
At 3:24 AM, Blogger Poemas e Cotidiano said...

Mixtu meu querido:
Assisti um filminho hoje que me mandaram...e nem consegui assistir ate o fim.
Quanta tristeza ao ver tantas criancas, a esperanca do nosso futuro, mortas.
Quanta violencia!
Terrivel meu amigo, terrivel.
Espero que esteja bem, e que a Carmencita esteja tratando bem de voce. Saudades.
Um beijo
MARY

 
At 9:09 AM, Blogger ♦♦♦sol♦de♦soles♦♦♦ said...

Casi nadie quiso al mememójateblog,pero a la PAZ SI...
Un Abrazo a ti y a Carmen.

 
At 11:57 AM, Blogger Caiê said...

Tens uma fabulosa maneira de te expressares e um grande sentido de humor. Molts Petons! :)

 
At 12:04 PM, Anonymous su said...

BACKSTAGE DO REAL APARENTE... ---->


“DO RIO QUE TUDO ARRASTA SE DIZ QUE É VIOLENTO
MAS NINGUÉM DIZ VIOLENTAS
AS MARGENS QUE O COMPRIMEM.”

Bertolt Brecht

Beijos aqui da Teia.

 
At 9:14 PM, Blogger White Angel said...

Se todos pensassem assim, as guerras eram de "MOLTS PETONS"...
Beijos com carinho...

 
At 11:49 PM, Blogger incondicional said...

Pasé para comprobar que todo está en orden.
Te dejo más abrazos ;-)

 
At 1:02 AM, Blogger El Navegante said...

MIXTU:
só posso te dizer parabéns, nao só pelo post e teus pensamentos, que ja fize o comentario.
E agora pelo monte de genta tao valiosa que vc tem de amizades.
De aquí a pouco, e olha, que estoyu muito feliz or isso, iste blog já ano vais er maos o blog do Mixtu, vais er o O BLOG DA BLOGSFERA,em verdade.
Tem que ter muitos valores humanos e literarios como vc tem, para ter tanta gente lidna que fica con vc, a teu lado.
ambém desejo te dizer muito muito obrigaod pelo cometnairo tao especial qeu vc fizo no meu post.
E una grande satisfaçao houver descobrido uma pessoa como vc, si ano lembro mal , no blog da amiga Incondicional.
Aquele abraço e tudo de bom para vc e a Carmencita.

 
At 7:59 AM, Blogger Velutha said...

Vim deixar um beijinho no teu blog e confirmar aquilo que tu tão bem sabes " amor é fogo que arde sem se ver..."
Make love not war.
petonets

 
At 10:47 AM, Blogger Dad said...

Passei e fiquei impressionada pelo teu post e tb pelos comentários que deixaram por aqui.
Pudesse um blog ou os bloguistas terem algum poder para contribuir para que as guerras fundem e a PAZ nos cubra a todos!
De qualquer forma, junto-me a todos vós neste pedido interior de que a PAZ deste mundo seja conseguida para bem de todos.
Onde houver uma guerra, haverá sempre uma chaga no corpo da Humanidade.
Era bom que esta humanidade crescesse abolindo todas as guerras e implantando, definitivamente a PAZ!!!

Um beijinho,

 
At 5:52 PM, Blogger Mel said...

Meu querido amigo, ainda vou "levar nas orelhas" por falta de comparência, hein? Mas fica sabendo que, apesar de me manter sem comentários, não me mantenho sem a leitura regular do teu cantinho.
Espero que te estejas a dar bem com os novos ares.
E nem me vou pôr a dissertar sobre a situação do Médio Oriente... acho que deixei bem clara a minha posição no meu cantito... enfim!
Beijocas e um abraço bem apertado!

 
At 6:20 PM, Blogger alfazema said...

De passagem pelo teu blog, o nacional mais internacional que conheço, venho deixar-te um beijo.

 
At 12:24 AM, Blogger gota de tinta said...

hola amigo!!!! pase a dejarte un saludo y un beso!!!!
pd. porfin actualice el blogg, alla nos vemos!!!

 
At 1:22 AM, Blogger Mariposa said...

Mixtu... ¿está mal si me desligué de todo conocimiento sobre la guerra en el Líbano porque me causaba demasiado dolor, más del que ya he debido tolerar en los últimos meses? Me desgarra la iraccionalidad asesina, no soy capaz de soportar la impotencia y el escozor en la garganta y los ojos que me provoca la sed de poder, violencia y destrucción, una bomba lacrimógena de oscuridad.

Te extrañado mucho amigo, he sentido ganas de personalizar el contacto contigo, especialmente ahora que me he enterado que vives entre Mali y Burkina Faso, tal como yo he planeado hacerlo en algún momento, inspirada por 2 hombres brillantes de Africamiga, que conocí hace algunos meses. Quisiera saber más, mucho más de ti.

Te envío un cálido beso desde Chile (a pesar de nuestro frío)

Nati

 
At 2:30 AM, Blogger escorpiona said...

...y ojalá que el hombre piense y detenga la guerra...

Un saludo
Chau

p.d: y claro que estas en los varios mas :) :)

 
At 3:21 AM, Blogger Uma -La rubia del Muelle- said...

130 beijos para quien gusta de rubias como yo:))

 
At 4:20 AM, Anonymous Seda said...

Olá Mixtu...passei pra agradecer sua visita e dizer que é sempre um prazer enorme recebe-lo no tok...deixo bjos com tok de SEDA

 
At 9:57 AM, Blogger Rosmaninho said...

Mixtu

Às vezes penso... O que dirá esta gente, que vive em cenário de guerra, em cada dia que vai passando, aos seus amigos?

De certeza que terão dificuldades em cumprimentar-se com um "Bom Dia!"

A Paz permite tanta coisa!...
Até um simples...
Bom Dia, Mixtu!

~*Um beijo*~

 
At 11:53 AM, Blogger Papoila said...

MIXTTU, molts petons!
NÃO À GUERRA!

 
At 2:18 PM, Blogger dreams said...

... sem guerra e pela paz...

o nosso grito pela liberdade
ecoa em mentes vazias...
queremos entender o porquê da fuga
a um ideal sem hipocrisias...

ouvimos lamentos angustiados...
são vozes até ao infinito...
e mesmo que as nossas palavras
sejam apenas murmúrios de rebeldia,
tal como as aves em cativeiro,
com o seu canto tão triste,
queremos mais que um viver por viver...um dia...

quando a aurora dos nossos sonhos,
trouxer do céu uma esperança,
uniremos as nossas mãos,
num hino de alegria por esse novo dia...
sem guerra e pela paz...

**********************************

... sin guerra y para la paz...

nuestro grito para la libertad
se repite en mentes vacías…
deseamos entender la razón dela fuga
a un ideal sin hipocresías…

oímos lamentos angustiados…
son voces hasta el o infinito…
y mismo que nuestras palabras
son solamente murmurios sen sentido,
como los pájaros en cautiverio,
con su canto tan triste,
deseamos más que una vida para vivir…un día…

cuando la aurora de nuestros sueños,
traer del cielo una esperanza,
ensamblaremos nuestras manos,
en un himno de la alegría por este nuevo día…
sin guerra y para la paz…

molts petons *
“·.¸Dreams¸.·”

 
At 8:49 PM, Blogger Luna said...

Estou contigo. Não à guerra
beijos

 
At 9:25 PM, Blogger Santa said...

MIXTU

Te espero hoje para um café.
Bjs

 
At 9:56 PM, Blogger Tons Pastel said...

molt petons, Mixtu.

 
At 9:57 PM, Blogger Ana said...

Adorei a montagem do "Guernica"... :)

 
At 9:58 PM, Blogger Vida said...

Excelente texto, depois de ouvirmos e vermos as atrocidades cometidas neste momento contra inocentes e especialmente crianças, penso que pouco mais temos a dizer.

Beijinhos.

 
At 10:15 PM, Blogger bohemiamar said...

Te traigo más besitos.

bohemiamar.

 

<< Home

António Vega-Lucha de gigantes

_______________________________________________25.000 visitantes (Anterior counter),
ecoestadistica.com